Comunicar Mais      
STF quebra sigilo de advogados que atuam na Operação Lava JatoPolítica    Imprimir

28/10/2015 00:00
STF quebra sigilo de advogados que atuam na Operação Lava Jato
Ministro Teori Zavascki autorizou quebra do sigilo fiscal de escritórios de advocacia de parlamentares investigados

Agência Brasil 1 comentrio          

O ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal (STF), autorizou a quebra do sigilo fiscal de dois escritórios de advocacia que atuam na defesa de parlamentares investigados na Operação Lava Jato. O ministro atendeu ao pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR), após o doleiro Alberto Youssef, um dos delatores da operação, citar supostos pagamentos aos advogados. A decisão foi proferida no dia 15 de outubro.

A decisão envolve os advogados Michel Saliba, que atua na defesa de sete parlamentares que respondem à inquérito na Lava Jato, e Fernando Neves, defensor do senador Fernando Collor (PTB-AL). As suspeitas dos investigadores é que valores oriundos de desvios de recursos da Petrobras foram usados pelos acusados para pagar honorários aos advogados.

Em nota, a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) declarou que os advogados têm direito garantido à confidencialidade das informações sobre honorários que recebem de seus clientes. A ordem disse que vai continuar defendendo no Supremo a manutenção do sigilo, assim como fez no caso envolvendo a advogada Beatriz Catta Preta, que atuou na defesa de delatores da Operação Lava Jato.

"Se for confirmada a liminar pelo plenário, deverá se aplicada a todos os casos, e a entidade pedirá a extensão a todos os advogados na mesma situação. Não há qualquer diferença legal ou constitucional entre advogado de delator e advogado de investigado”, diz a nota.



Notcias Relacionadas

  • Gilmar Mendes concede prisão domiciliar a Adriana Ancelmo

  • CNJ decide investigar folha de salários de juízes de todo o país

  • Emenda constitucional que autoriza vaquejadas é promulgada pelo Congresso

  • Entidades defendem no STF mudança de registro civil para transexuais

  • STF nega pedido de liminar do deputado Ricardo Izar para barrar PEC da vaquejada

  • Ato nacional contra a vaquejada mobiliza protetores de animais em Salvador

  • Barroso libera para julgamento do STF ação sobre auxílio-moradia para juízes

  • Fórum da Proteção Animal da Bahia discute proibição da vaquejada

  • OAB Bahia discute proibição da vaquejada pelo STF

  • Polêmica da proibição da vaquejada é debatida na TV Assembleia

  • Brasília: Ana Rita Tavares representa proteção animal da Bahia em Audiência Pública

  • Vereadora de Salvador classifica vaquejada como "circo de horrores" e elogia STF ao proibir prática

  • Supremo Tribunal Federal considera vaquejada ilegal

  • STF decide que tatuados não podem ser barrados em concursos públicos

  • CCJ do Senado aprova reajuste para salários de ministros do Supremo Tribunal Federal

  • STF determina que WhatsApp seja imediatamente restabelecido em todo país


  • ComentriosComentar Notcia
    dEeOv8cQ
    01/03/2017 03:03
    Gorgeous in every way Mandy!your coloring is always stunning hun and those little flowers just make me smile!Ollie is as cute as can be, lovely phouts!!hogs & blessings
    PUBLICIDADE






    PUBLICIDADE