Comunicar Mais      
Governo da Bahia publica resultado de etapas dos concursos da Educação e Segurança PúblicaBahia    Imprimir

25/05/2018 01:00
Governo da Bahia publica resultado de etapas dos concursos da Educação e Segurança Pública
Mesmo após polêmica, Estado divulgou nome de aprovados na primeira etapa para delegado, investigador e escrivão de Polícia Civil

Redação CM 0 comentrio          

A Secretaria da Administração (Saeb) publicou, na edição desta sexta-feira (25) do Diário Oficial (D.O), o resultado de etapas dos concursos públicos para provimento de vagas nas áreas de educação e segurança pública do Estado. As publicações, disponíveis para consulta em cadernos especiais do D.O, trazem o resultado provisório da prova de títulos, terceira etapa do certame para professor e coordenador pedagógico, e o resultado provisório da prova objetiva para delegado, escrivão e investigador de polícia.

As publicações também poderão ser consultadas no 
Portal do Servidor ou no site das organizadoras, a Fundação Carlos Chagas, no caso do concurso da educação, e a Fundação para o Vestibular da Universidade Júlio de Mesquita Filho, no caso do concurso da segurança pública. Os candidatos terão o prazo legal de dois dias úteis para interposição de recursos, o que deve ser feito junto ao site das organizadoras de cada certame.

Realizado conjuntamente pela Saeb e pela Secretaria da Educação, o concurso para professor e coordenador pedagógico foi lançado em novembro de 2017 e teve suas provas objetiva e discursiva aplicadas no dia 25 de fevereiro, em todo o estado. Foram 103.592 inscritos e os habilitados concorrem entre si para ingresso em uma das 3.760 vagas: 3.096 para professor e 664 para coordenador pedagógico. O certame tem validade de um ano, prorrogável por igual período, e irá abranger 27 Núcleos Territoriais de Educação (NTEs).

 
Já o concurso público para investigador, delegado e escrivão de polícia, parceria entre Saeb e Secretaria de Segurança Pública (SSP), foi lançado em janeiro deste ano e registrou mais de 48.120 inscritos. A prova objetiva foi aplicada no dia 22 de abril e o certame ainda conta com mais seis etapas a serem realizadas. São ofertadas mil vagas, sendo 880 para investigador, 82 de delegado e 38 para escrivães. O certame tem validade de um ano, prorrogável por igual período, com postos de trabalho em todo o estado.

Polêmica - 
Parte dos candidatos que participaram do concurso da Polícia Civil da Bahia, realizado no dia 22 de abril, estão se queixando de irregularidades no certame. A Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista (Vunesp), responsável pela aplicação da prova, teria sido negligente durante a fiscalização. 
Fotos das provas objetiva e discursiva foram feitas por candidatos e divulgadas nas redes sociais, o que já caracteriza falha na fiscalização. 

O edital de convocação diz que o uso de “qualquer aparelho eletrônico de imagem, ou som pelo candidato, pelos seus familiares ou por quaisquer outros estranhos a este concurso público” durante as avaliações não seria permitido, mas candidatos, tanto os que fotografaram, quanto os fotografados, estavam de posse de telefones celulares. 
 


Notcias Relacionadas

  • Candidatos do concurso da Polícia Civil da Bahia denunciam falhas na aplicação das provas


  • ComentriosComentar Notcia

    Ainda no existem comentrios para esta notcia.
    Seja o primeiro a comentar!
    PUBLICIDADE






    PUBLICIDADE