Comunicar Mais      
Foie Gras: nobre pervesidade com gansos Política    Imprimir

27/08/2018 12:00
Foie Gras: nobre pervesidade com gansos
Projeto de vereadora pretende banir prática na Bahia

Redação CM 0 comentrio          

Considerado prato nobre desde a antiguidade, o foie gras, que em francês quer dizer “fígado gordo”, é mais um método perverso que a indústria da carne utiliza nos animais para obter lucro. Trata-se do fígado de um pato ou ganso que, após serem alimentados forçosamente até a exaustão, seu órgão sofre uma hipertrofia lipídica. A anomalia faz com que o sofrimento do animal tenha uma consistência amanteigada e sabor mais suave em relação ao fígado normal e, com isso, seja o deleite de paladares “refinados” mundo afora.

Seguido das trufas, o foie gras é considerado uma das maiores iguarias da culinária francesa. Mas, devido à pressão de grupos de proteção dos animas, 15 países proíbem a alimentação forçada. São eles: Argentina, Áustria (6 das 9 províncias), República Tcheca, Dinamarca, Finlândia, Alemanha, Irlanda, Israel, Luxemburgo, Noruega, Polônia (em 1999, era o quinto maior produtor mundial), Suécia, Suíça, Holanda e Reino Unido.

No Brasil, não há lei específica. O que ampara excessos contra os animais de modo geral é a Lei 9605/98 de crimes ambientais. Em São Paulo, o então prefeito Fernando Haddad (PT), sancionou uma lei que proibibe a prática na capital paulista. Já na Bahia, a ativista e vereadora Ana Rita Tavares (PMB) protocolou, na Câmara Municipal de Salvador, um projeto de lei que visa proibir a produção e comercialização de foie gras na cidade, proposta que ela promete ampliar em nível nacional, caso seja eleita deputada federal nas eleições deste ano. “Esse alimento é fruto de um processo de tortura e maus tratos a esses animais. Não podemos permitir que seres sencientes sejam tratados de forma tão desumana, sobretudo, na indústria alimentícia, motivo pelo qual me tornei vegana”, justifica Ana Rita.


Notcias Relacionadas

  • ​Força-tarefa resgata 36 aves ameaçadas pela seca da Lagoa dos Patos, na Pituba

  • Meio Ambiente: a morte anunciada da Lagoa dos Patos

  • Moradores da Pituba fazem manifestação em favor de revitalização da Lagoa dos Patos


  • ComentriosComentar Notcia

    Ainda no existem comentrios para esta notcia.
    Seja o primeiro a comentar!
    PUBLICIDADE






    PUBLICIDADE