Comunicar Mais      
Festa de Santa Bárbara completa 374 anos em SalvadorCultura / Lazer    Imprimir

03/12/2015 15:00
Festa de Santa Bárbara completa 374 anos em Salvador
Celebração acontece desde 1639, quando um casal de devotos construiu uma capela devocional às margens da Baía de Todos os Santos

Redação CM 1 comentrio          

Uma das manifestações populares religiosas mais antigas e permanentes da Bahia, a Festa de Santa Bárbara completa em 2015 374 anos. Devotos brasileiros e até de fora do Brasil chegam anualmente em Salvador no 4 de dezembro para participar do festejo que, devido a sua importância, desde 2008, é um Patrimônio Imaterial da Bahia.

A festa remonta o ano de 1639, quando o casal Francisco Pereira e Andressa Araújo construiu uma capela devocional no bairro do Comércio, às margens da Baía de Todos os Santos. Com o tempo, o espaço se transformou em Mercado de Santa Bárbara. Atualmente, a travessa com nome da santa fica onde está o prédio do antigo Banco Econômico, próxima à Praça da Inglaterra. 

De acordo com a antropóloga do Ipac e autora do artigo “O Culto a Santa Bárbara na Bahia”, Nívea Alves, depois de incêndios no mercado do Comércio, foi inaugurado, em 1874, um novo Mercado de Santa Bárbara, na Rua da Vala, que depois veio a ser chamada de Baixa dos Sapateiros ou Avenida José Joaquim Seabra. “Esse mercado tinha Nossa Senhora da Guia como padroeira, mas mudou para reverenciar Santa Bárbara”, afirma Nívea. A partir daí, a festa começa a ser realizada no Pelourinho.

Segundo dados da pesquisadora, depois de sair do Comércio, a imagem da santa foi para a Igreja do Santíssimo Sacramento, na Rua do Passo, perto do Largo do Carmo. “A partir de 1987 a imagem passou a ser guardada na Igreja do Rosário dos Pretos”, explica a antropóloga.

Atualmente, após a missa campal celebrada no Largo do Pelourinho, começa uma procissão que percorre ruas do Centro Histórico. No roteiro, o Largo do Pelourinho, Terreiro de Jesus, Praça da Sé, Praça Municipal, Ladeira da Praça e a sede do Corpo de Bombeiros, onde a santa é homenageada por ser padroeira desses profissionais.

A procissão segue pela Baixa dos Sapateiros até o Mercado de Santa Bárbara, onde é servido um farto Caruru, patrocinado pelo governo estadual por meio do Centro de Culturas Populares e Identitárias (CCPI).

O mercado recebeu nova pintura interna e externa do Ipac. Já a montagem do palco, a produção do som e logística da festa é feita pelo CCPI. O Ipac também fez reparos e pinturas na Igreja do Rosário dos Pretos, cuja Irmandade organiza a festa. 

Transalvador fará bloqueio em diversas ruas da cidade 


A Transalvador vai disciplinar o trânsito com operação especial no Centro Histórico, nesta sexta-feira (4), para a realização da Festa de Santa Bárbara. Para a passagem da procissão, haverá interdição progressiva do tráfego, a partir das 8h, no Largo do Terreiro de Jesus, seguindo pela Praça da Sé, rua da Misericórdia, Ladeira da Praça, av. José Joaquim Seabra (Baixa dos Sapateiros), rua Padre Agostinho (antiga Rua Baixa dos Sapateiros / Museu Casa do Benin), com chegada no Largo do Pelourinho. 

Entre 7h e 16h, haverá também bloqueio do tráfego na Ladeira da Praça, entre a rua José Gonçalves e a av. José Joaquim Seabra. A opção de tráfego para veículos com destino à av. José Joaquim Seabra é seguir pela rua Miguel Calmon, Praça Riachuelo, av. Jequitaia, Túnel Américo Simas e av. Presidente Castelo Branco (Vale de Nazaré), até alcançar a av. José Joaquim Seabra.

 

Veículos do Corpo de Bombeiros têm permissão para estacionamento na Ladeira da Praça e na via que margeia a Praça dos Veteranos. O acesso de moradores nas vias interditadas é assegurado mediante apresentação de documento que comprove endereço. 

Programação cultural - Diversos shows acontecerão simultaneamente em palcos montados no Pelourinho, com muito samba e tradição. No Largo Pedro Archanjo, se apresentam a banda Sambatrônica, às 14h, o sambista Roque Bentenquê, às 16h30, e o Grupo Anjo Bom, às 19h. O Largo Tereza Batista vai ser agitado por Bambeia, às 14h, e o Samba Chula de São Braz marca presença a partir das 16h.

__________________________________________________________________________

Confira a programação completa da festa:

Largo Pedro Archanjo

16h – Anjo Bom

18h30 – Malu Soares

20h – Cortejo Afro

Largo do Pelourinho

5h – Queima de fogos

8h30 – Missa Campal

9h30 – Saída da procissão em direção ao Quartel do Corpo de Bombeiros (Barroquinha)

Largo Tereza Batista

16h – Caxambu

18h – Nosso Ritmo

20h – Samba Mocidade

Largo Quincas Berro d’Água

16h – Catadinho do Samba

18h – Grupo Movimento

20h – Roque Bentenquê

 Largo do Pelourinho

14h15 – Jorginho Comancheiro

15h30 – Samba 17 Raízes de Santo Amaro

17h – Neto Balla

19h – Aloísio Menezes

20h30 – Orquestra R Xangô/Maestro Reginaldo

 Terreiro de Jesus

16h – Claudya Cos’tta

18h – Áudio Mania



Notcias Relacionadas

  • Carnaval 2017: vereadora pede o cumprimento da Lei Antibaixaria

  • Inscrições abertas para o 4º Concurso de Desenhos da Transalvador

  • Transporte de animais em ônibus é regulamentado em Salvador

  • Eventos realizados em dezembro alteram tráfego e estacionamento de Salvador

  • Trânsito alterado em diferentes pontos da cidade neste final de semana


  • ComentriosComentar Notcia
    Kw46Y0hFd6J
    28/02/2017 23:40
    Spidermonkey, that’s the strategy the bad guys use. Check out a book called “financial seef-deflnse” by goldstein and presser to find out how to protect yourself. Be well, nyquil762VA:F [1.9.21_1169](from 0 votes)
    PUBLICIDADE






    PUBLICIDADE