Comunicar Mais      
A morte da Lagoa dos PatosOpinião    Imprimir

11/01/2019 17:58
A morte da Lagoa dos Patos
Local já foi habitat de diversas espécies nativas, como peixes, cobras e até um jacaré, mas nos últimos anos, somente 36 aves sobreviviam em meio a pouca água esverdeada, lama e folhas

Por Ana Rita Tavares* 0 comentrio          

Nesses últimos anos não medi esforços para que a Lagoa dos Patos, na Pituba, fosse revitalizada. Após quase seis anos do projeto que apresentei à Secretaria da Cidade Sustentável solicitando a criação de um programa de revitalização do ecossistema e conservação das áreas comuns da Lagoa, nada foi feito e a situação é ainda mais lamentável.

E o que vemos hoje? 
Apenas o que sobrou da lagoa, quase sem água, com os poucos animais que aqui ainda vivem sob risco de morte. Só pra lembrar, essa Lagoa já foi habitat de diversas espécies nativas, como peixes, cobras e até um jacaré. Não só o meio ambiente e os animais perdem com esse descaso do poder municipal, mas também os moradores da região, que utilizam este espaço público como ponto de recreação e lazer com a família e amigos.

E aí, prefeito, continuará de braços cruzados vendo essa situação? Eu não. Continuarei cobrando para essa revitalização sair do papel.

Assista o meu apelo ao prefeito ACM Neto:

 

*Vereadora de Salvador pelo PMB, advogada e auditora jurídica do TCE 


Notcias Relacionadas

  • Meio Ambiente: a morte anunciada da Lagoa dos Patos

  • Moradores da Pituba fazem manifestação em favor de revitalização da Lagoa dos Patos

  • ​Força-tarefa resgata 36 aves ameaçadas pela seca da Lagoa dos Patos, na Pituba

  • Aplicativo registra atropelamento de animais nas estradas

  • Britânicos reduzem em 85% uso de sacos plásticos

  • Feira especial sobre saúde e sustentabilidade acontece neste sábado


  • ComentriosComentar Notcia

    Ainda no existem comentrios para esta notcia.
    Seja o primeiro a comentar!
    PUBLICIDADE






    PUBLICIDADE