Comunicar Mais      
 
Operação já removeu mais de 200 sucatas em cinco mesesGrande Salvador    Imprimir

05/06/2021 16:15
Operação já removeu mais de 200 sucatas em cinco meses
Atividade, realizada mesmo durante a pandemia, visa contribuir para a melhoria da mobilidade urbana, da limpeza e saúde públicas

Redação CM 0 comentário          

A Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop), já removeu 223 sucatas nos primeiros cinco meses de 2021, através da Operação Cidade Dez, Sucata Zero. A atividade, realizada mesmo durante a pandemia, visa contribuir para a melhoria da mobilidade urbana, da limpeza e saúde públicas, bem como da segurança e da estética da cidade. Dentre os materiais recolhidos estão veículos em estado de degradação estacionados em vias públicas e barcos abandonados em praias.

Na ação mais recente, realizada na terça-feira (1º), 15 materiais inservíveis foram retirados das ruas, sendo apreendidos pelos agentes de fiscalização da pasta e sete removidos pelos proprietários, após notificação da Semop. A operação ocorreu nos bairros de Pirajá, Campinas de Pirajá, Parque Bela Vista, Avenida Suburbana, Santa Luzia, Pau da Lima, Uruguai e Cidade Nova.

A secretária da Semop, Marise Chastinet, alertou para a importância da colaboração dos cidadãos para o sucesso da ação. “A população precisa denunciar ao identificar alguma sucata pelas ruas. É um serviço de preservação da nossa saúde com o maior objetivo de evitar doenças e acidentes eventuais”, alertou.

As denúncias podem ser feitas pelo Fala Salvador, no número 156, informando as características e localização das sucatas e barcos abandonados. A partir das informações prestadas, uma equipe da Semop vai até o local informado para a remoção do material.


Dinâmica – A ação envolve 16 agentes da Semop divididos em dois grupos, munidos de caminhão munck ou guincho de apoio da Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador). Os veículos abandonados são recolhidos e encaminhados para o Setor de Guarda de Bens (Segub), localizado na sede da Guarda Civil Municipal, na Avenida San Martin.

Os proprietários podem fazer a retirada, mediante apresentação de documento com foto, além dos documentos do veículo. O prazo para reivindicação é de 60 dias, com pagamento de multa no valor de R$870. Caso contrário, o bem será leiloado.


Notícias Relacionadas

  • Leilões online do Detran-BA oferecem 865 veículos e sucatas

  • Detran-Ba leiloa mais de 1,2 mil veículos e sucatas


  • ComentáriosComentar Notícia

    Ainda não existem comentários para esta notícia.
    Seja o primeiro a comentar!
    PUBLICIDADE






    PUBLICIDADE